~WalkerSophia

WalkerSophia
WalkerSophia
Nome: Sophia
Status: Usuário
Sexo: Indisponivel
Localização: Indisponivel
Aniversário: 19 de Abril
Idade: 19
Cadastro:

Fuga impossível


Postado

Fuga impossível

Cruciatus

➤ Nome completo: James Watson

➤ Apelido na prisão: Carneirinho, Jay-Jay ü

➤ Idade: 25 anos

➤ Signo: Ariano, mas minha lua é escorpião e ascendente em gêmeos (yeap, sim, eu tenho, e meu personagem tmb u.u hsjshsjsgay)
19 de abril.
No chinês é um dragão.

➤ Personalidade: Extrovertido, sorri com facilidade, e normalmente tá sempre de bom humor (tudo fachada), é difícil deixar ele com raiva, e quando deixam, saí de baixo. Normalmente esquece facilmente quando fazem algo de mal para ele, mas quando precisa se vingar, faz com jeito e faz o que for preciso pra isso, mesmo que tenha problemas no fim. Um pouco louco, às vezes fala sozinho — criou um alter ego em sua cabeça por culpa dos seus impulsos raivosos e seu passado conturbado, mas dou mais detalhes disso pela frente —, e fala besteiras maliciosas com uma facilidade impressionante, e não tem escrúpulos com o que diz. Gosta de irritar as pessoas, mas de um jeito suportável, normalmente sempre sendo a pessoa do contra. Também cora com facilidade (odeia que o façam corar), e adora bundas. Não se incomoda com o que falam dele, só tem um pouco de medo do escuro, mas fora isso, se faz de machão dominador, que não tem medo de nada, mas obviamente é um Bottom. Orgulhoso, se mostra egocêntrico, impulsivo, mas quieto em seu canto quando precisa, e quando está no meio de uma briga argumentativa e/ou verbal, sempre fala calmo e com elegancia, adora se achar superior aos outros nesses momentos. Quando tá com raiva, tem o costume de sorrir largamente e fechar os olhos, e ameaçar a pessoa sempre usando algum ponto fraco. Ele tem um pequeno problema que se chama Transtorno Explosivo Intermitente, que é uma doença que quando a pessoa tá com raiva ela não vê o que tá fazendo até terminar e normalmente costuma se arrepender, a diferença que o James não se arrepende, e ele só tem essas crises quando tá putasso da vida, o que normalmente só ocorre quando mexem gravemente com alguém que ele goste. Por mais que se mostre com raiva e algumas vezes impulsivo, quando quer estuda uma pessoa, faz com facilidade. É capaz de descobrir o que uma pessoa faz quando mente, aquela peculiaridade que cada um tem quando tá mentindo, tipo morder o lábio inferior e tals. Um observador. O problema é que as vezes ele simplesmente pode jogar todo seu plano de lado para acertar um soco na cara de alguém. Também não se incomoda mais ao ver uma pessoa morrer (afinal, viu quem mais amava morrer perante aos seus olhos sem poder fazer nada), e nem sendo torturada, pelo contrário, é um sadista em relação a torturar aqueles que não gosta, principalmente psicologicamente, é extremamente manipulador. E tem memoria fotografica. O único problema é que ele é pessimo em direções, apesar de saber onde cada coisa está.

➤ Aparência: http://amulherequemanda.com/tag/jensen-ackles

➤ Descrição: Olhos verdes, loiro, só que o tom de pele um pouco mais clara que a do Jensen, os próprios lábios do Jen, ou seja, rosados, e aquelas ruguinhas de canto de olhos que o Jen tem que são lindas! E É BOTTOM ü. Tem uma cicatriz no quadril que não responde de forma alguma o porque dela (resultado de uma briga com o irmão mais velho), além das outras mil que tem espalhadas pelo corpo por culpa de brigas em bar ou coisa do gênero ou que ele faz em si mesmo quando tá com raiva e precisa se controlar para não fazer besteira com alguém que ele se importa, e ele nem se quer repara que tá fazendo. As cicatrizes são causadas por sua própria unha. Barba por fazer, e uma tatuagem nas costas de rosas com espinhos e uma caveira no meio.

➤ Como foi parar na cadeia: Sequestrou uma criança e atirou no pai. Na verdade, era o irmão mais novo dele, o pai era um idiota e a mãe tava perdida no mundo, como seu irmão era ainda muito novo para morar sozinho e se virar, James pegou o irmão, mas o pai não gostou, e foi acertar as contas levando um shotgun, eles tinham uma relação abalada e o pai não gostava do James. Enfim, James ficou puto, em um surto pegou a arma da mão do pai e deu um tiro no ombro dele e na perna, no julgamento ele não conseguiu provar que foi em legitima defesa e que a arma era do pai e acabou preso.

➤ Vida fora da cadeia: Conturbada, vive sozinho, normalmente gosta de beber e se entupir de remédios para dormir por culpa dos pesadelos com o irmão mais velho e o pai; e os casos que tivera com outros caras não costumavam durar mais do que três meses, não curte se sentir preso e gosta de liberdade, tem um apartamento em um bairro classe média e trabalha com engenharia mecânica. Arranja brigas em bares facilmente e por isso tem várias cicatrizes em seu corpo.

➤ Relação com ele mesmo: Se odeia. Tem um alter ego criado por si mesmo após ver seu irmão mais velho se matar em sua frente. Esse alter ego o atiça em momentos de raiva para explodir e sair espancando todo mundo e quando James faz algo de errado, costumar ficar atormentando ele mentalmente, em ecos, xingando-o e o chamando de fraco, essas coisas. A única forma de parar é batendo em sua cabeça, por causa disso James criou o habito de bater a cabeça na parede. Por sinal, James se odeia e se acha fraco, por isso odeia demonstrar seus sentimentos e se sente inútil quando fala de seus sentimentos e problemas e sentimentos para ele são uma fraqueza, assim como chorar fere seu orgulho.

➤ História: Nasceu na própria cidade da história. Sua família era feliz, tinha uma condição de vida média, uma mãe feliz e um pai que saia para brincar de baseball no parque, até que a mãe dele some quanto tinha onze anos, deixando para trás um irmão mais velho de 14, ele de 11 e o mais novo que ainda não tem um ano. A mãe tava tendo um caso com um cara qualquer e fugiu com ele. O pai ficou arrasado, começou a beber, e começou a descontar a raiva nos filhos, batendo neles, trancando-os no escuro, por isso o medo do escuro. O irmão mais velho costumava apanhar mais por sempre defender James, e o irmãozinho menor (por enquanto; o pai ainda não batia no menorzinho). Não tardou para que a figura exemplar masculina em sua vida fosse o irmão mais velho (por sinal, vamos por o nome dele de Jayden). James e Jayden iam ficando cada vez mais próximos até que Jayden se revelou gay pro irmão mais novo um ano depois, James aceitou, não compreendia as coisas muito bem, e Jayden até mesmo deu-lhe seu primeiro beijo. Com o passar dos meses os toques ficaram mais íntimos entre os dois irmãos, e eles tiveram sua primeira noite juntos. James tinha quatorze, e o outro dezessete. Até que o pai descobriu que Jayden e James eram gays ao ver os dois se beijando e tudo ficou pior, ele espancou Jayden e disse que James ser gay era culpa dele, e James não pode fazer nada, só vê, porque ele já tava machucado no chão, obviamente não tanto quanto Jayden. O pai ainda obrigou-o a bater no irmão mais velho, James fez, porque sabia que se o pai fizesse, seria com muito mais força do que ele. Jayden tinha quebrado duas costelas e era uma poça de sangue no chão quando o pai acabou, e James melhor do que ele, arrastou-se até Jayden. James pensou que Jayden ia ficar com raiva por culpa do que o pai obrigou-lhe a fazer, mas Jayden só sorriu. Duas semanas depois, as marcas ainda no corpo, e o irmão mais novo de quatro anos confuso com tudo (vamos por o nome do irmão mais novo de Dimitri), Jayden está sozinho na varanda que moram da casa, com uma faca em mãos. O pai não tá em casa, saiu com o mais novo dos irmãos. James vai procurar o irmão, e o vê na varanda, prestes a se matar, quando tenta impedir, na briga James acaba ganhando uma facada no quadril, e com a dor e a inércia do momento não consegue impedir seu irmão de se matar, o irmão sangrava ao seu lado e ele não sabia o que fazer. Quando o pai chega em casa e descobre tudo, ele joga a culpa em James, chamando-o de fraco e que a culpa era dele por não poder impedir, e é a partir daí que James cria seu alter ego. Quando fez dezoito anos, com esse tempo todo apanhando direto do pai, James passa para uma faculdade e resolve sumir. Ele não aguenta mais aquela vida, e ele promete pro irmão mais novo que vai voltar pra pega-lo, esse também já estava começando a sofrer com a raiva e espancamentos do pai. Com vinte e quatro anos, James volta e pega o irmão mais novo, mas o pai não aceita isso muito bem e vai atrás de James com uma shotgun quando os acha. James com raiva em alguma parte, pega a arma e dispara no pai, não o matando. Mas pelo sequestro e pelo porte de arma indevida (não conseguiu provar que a arma era do pai), James vai preso.

➤ Hobbies: Gostava de andar de moto o mais rápido que podia, desenhar com carvão próprio pra desenho, e principalmente, sentar em um banco da praça publica em dias de chuva, e ver as pessoas enquanto pensa na vida, ver videos de torturas físicas e psicológicas e assassinato na Deep Web, assim como videos para desvendar a mente de alguém, também lê coisas sobre o assunto com muita frequência. Na cadeia ele gosta de cantarolar, e normalmente risca as paredes com algum giz, fazendo desenhos normalmente ao estilo de Tim Burton, sobre coisas que perturbam a sua mente (normalmente ninguém entende esses desenhos porque eles são para si).

➤ Gostos: Literatura nórdica, medieval e drama. Gosta de qualquer tipo de Rock antes dos anos '95, é viciado em cartoons, séries e filmes de terror. Sua cor favorita é azul celeste. Sorvete de morango. Inverno. Coisas azedas e adocicadas. Torta. Cheiro de livro novo. Gatos. Video game. Jogos violentos. Escrever.

➤ Desgostos: Lerdisse, falsidade, coisas saudáveis, sal, pessoas que falam de mais e não sabem respeitar o espaço pessoal, pessoas que acham, contato físico com desconhecidos e contato físico por muito tempo de conhecidos que não seja pra sexo, café, cachorros pequenos, insetos, cigarros. Não gosta também que vejam o que escreve e nem que tentem desvenda-lo.

➤ Manias: Tem que dormir de cobertor toda a noite, não importa se estiver um calor do inferno (não sente frio ou calor com facilidade, por isso não se incomoda), costuma mordiscar o lábio inferior quando nervoso, e dá uma risadinha fraca quando não está a fim de conversar, roí a unha quando está ansioso, assim como balança as pernas, por sinal, até dorme balançando uma delas, dá um sorriso lateral quando está pensando em aprontar alguma coisa, e ergue uma de suas sobrancelhas quando é afrontado. Quando está conversando não gosta de olhar nos olhos das pessoas a não ser que tenha interesse em descobri-la. Bate a cabeça na parede quando tá sendo atormentado pelo alter ego, e quando tá com raiva e sabe que vai fazer algo muito grande, se arranha ou enterra suas unhas no próprio corpo. Quando tá pensando em algo sério, olha fixamente para um canto da parede e é complicado desperta-lo do transe.

➤ Vícios: Chocolate, bebidas alcólicas e remédios pra dormir.

➤ Medos: Escuro, não gosta de ser tocado por outras pessoas de surpresa, e sente medo de sentimentos, principalmente dos seus.

➤ Relação com os outros prisioneiros: Se dá bem com qualquer um que está disposto a se dar bem com ele, e simplesmente não fax o mínimo esforço para se dar bem com quem não quer (aquelas pessoas que provocam e se acham superiores), gosta de pessoas mais quietas, mas também se dá muito bem com "os piadistas", normalmente passa tranquilidade e confiança para quem precisa de ajuda e ele gosta. É uma pessoa fiel e leal para aqueles que gosta, o problema que na cadeia não confia em ninguém, por mais que finja com maestria confiar.

➤ Vai querer fazer parte de alguma gangue, se sim por que: Não, prefere ter seus próprios inimigos, ajuda nunca foi algo que curte, prefere lidar com seus próprios problemas sozinho até onde der. Normalmente ele gosta de ser o líder das paradas, por isso não gosta de gangues, já que vai ter que obedecer, mas pode abaixar a cabeça e obedecer aqueles que tem intimidade e é "amigo".

➤ Música que define sua vida: Savin'me — Nickelback

➤ Quer par: Sim.

➤ Relação com seu par: Sarcástico, dificilmente vai demonstrar algum sentimento, durão, mas mostra seu lado mais emotivo durante o sexo (não tanto, mas é o único momento que se permite ser levemente mais frágil). Odeia coisas melosas, e se irrita quando a pessoa mostra carência de mais. Demonstrações de sentimentos de mais da parte de seu par, ele acha que é mera manipulação, por tanto, mesmo que se a pessoa esteja realmente machucada sentimentalmente, dificilmente irá atrás dela para conforta-la. Gosta de uma coisa levemente mais violenta, nada do gênero sadomasoquista, mas um pouco de raiva no sexo não mata ninguém. Odeia ciúmes excessivo do parceiro, mas gosta de provocar um pouco de ciúmes de vez enquanto. Relações apimentadas são as melhores.

➤ Mataria alguém: Definitivamente.

➤ O quê pretende fazer da vida caso o plano de fuga tenha sucesso: Pegar o irmão mais novo e desaparecer da cidade.

➤ Tem alguém do lado de fora esperando por ele: O irmão mais novo.

➤ Tem consciência que seu personagem pode morrer: Sim

➤ Favoritou: Sim

➤ Vai comentar em todos os capítulos: Acho que sim, a não ser que aconteça algo, mas provavelmente não, então provavelmente, vou ü

➤ Algo mais:
Pai — Edward "Ed" Watson
Irmão mais velho — Jayden "Jay" Watson
Irmão mais novo — Dimitri "Dih" Watson
Mãe — Lucy "Lu" Watson



Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...