~wckdtere

wckdtere
Nome: mjayisme
Status: Usuário
Sexo: Indisponivel
Localização: Indisponivel
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

Camp half-blood


Postado





Playing cool as If you want surrender
Reason surrender where you can't remember
If love is a gun then our hands is on a trigger
What's done is done



Nome:

Caleb Buzolic

Apelido:

Buzz

Idade:

15 anos

Novato ou veterano?

Novato

Data de nascimento:

1 de Março de 2001

Signo:

Peixes

Orientação sexual

Homossexual

Pai/Mãe Olimpiano:

Atena

Pai/Mãe Mortal:

Ross Buzolic

Aparência:







Seu cabelo é puxado para trás em um topete, os fios alternam em tons de loiro. Os olhos são cinzentos e puros, expressando a inocência que o menino carrega. Seu rosto é angelical e as maçãs marcantes. Sua pele é clara e seus lábios naturalmente rosados; sardas imperceptíveis lhe banham as bochechas. Ele costuma vestir blusas com citações de livros. Ele tem 1,69 de altura, possuindo um corpo com poucas definições.



Famoso que o(a) representa:

Dean Charles Chapman

História:

Buzz mora com seu pai numa fazenda longe da civilização da Califórnia. É um lugar calmo, onde o menino pode ter seus momentos de paz enquanto estuda. Seu pai Ross Fontaine, um francês, da aula sobre mitologia grega numa das Universidades mais almejadas da Califórnia. Em seus momentos de lazer, costuma ensinar a seu filho tudo que sabe. O relacionamento dos dois é o melhor possível; Buzz admira seu pai mais que tudo na vida.
Levam a vida calma, quase sempre envolvendo estudos nas noites silenciosas. Ele nunca perguntara diretamente ao seu pai sobre a verdadeira localização de sua mãe, por mais que sua língua coçasse em busca de formar as palavras.
Ao ser atacado por monstros numa tarde calorosa em sua fazenda, foi convidado a se juntar ao Acampamento, mas só aceitou assim que teve a garantia de que seu pai ficaria bem.

Personalidade:

Buzz sempre fora um menino doce e carismático. Ele é centrado e estudioso, muitas vezes se isola do resto do mundo preferindo seus livros e discos antigos de seu pai. Isto é um fato sobre ele: adora coisas velhas, desde filmes, roupas, e etc. Seu pai costuma dizer que ele tem a alma velha, que está presa no corpo de um jovem rapaz. Não fala muito, mas quando quer expressar sua opinião, sabe as exatas palavras que deve usar. Ao decorrer de suas amizades, Buzz costuma muito analisar seus amigos testando-os o quanto são fiéis a ele. Mitologia é o que ama, Arquitetura é o que admira e Ciência é tudo o que mais sabe.
Ele procura aprimorar sua sabedoria, passando horas na biblioteca do colégio, pesquisando e pesquisando diversos livros nas prateleiras empoeiradas. Muitas pessoas o chamam de antissocial pela forma como o menino se isola no refeitório com seu lanche e seus livros. São poucos os que conseguem se aproximar de Buzz e, quando fazem, ele mostra seu melhor sorriso e trata a pessoa como ela merece.
Ele é estrategista e entende diversas línguas, mas por conta da dislexia não consegue ler as mesmas por muito tempo.

Gostos:

- Artefatos antigos –
- Livros –
- Objetos antigos –
- Discos –
- Aprimorar cada vez mais sua sabedoria –
- Desafios -

Desgostos:

- Não gosta de gente exibida –
- Insetos –
- Altura –
- Ser perturbado –
- Ficar sozinho por muito tempo –
- Ter objetivos não concluídos –

Trauma(s):

Altura

Doença(s) ou alergia(s):

Dislexia

Habilidade(s):

Manejo Rápido:
Quando o semideus consegue dar um golpe bem exercido no oponente e obtém uma brecha para dar um segundo ou terceiro golpe. Ele continuará fazendo repetições do mesmo em sequência até que ele esteja em uma situação que o mais favorável e inteligente seja sair do combo.

Poderes:

Canção da Noite:
O filho de Atena consegue reproduzir um estímulo sonoro bastante similar ao canto de uma coruja, utilizando este artifício para atordoar o inimigo, atribuindo-lhe sensações diversificadas conforme a sua experiência.

Faz alguma tarefa especial no acampamento?

Ajuda os filhos de Apolo.

Família:
Relação com seu parente divino:

Buzz nunca a conheceu. Alguma coisa dentro dele insiste em querer conhecê-la, poder olhá-la nos olhos e trocar palavras com sua mãe. Mas outra parte dele diz que deveria esquecê-la, que é uma total perda de tempo e que nada mudaria na vida dele caso a conhecesse.

• Relação com seu(s) parente(s) mortal(ais):



Ross Fontaine – Pai – 39 anos – Professor de Mitologia

Buzz se dá extremamente bem com seu pai. Ambos são ambiciosos quando o assunto é estudo. Na maioria das noites, os dois se encaminham até o escritório rindo e conversando, sentam-se à mesa redonda de madeira e espalha os materiais sobre ela. Livros, fotografias e textos aleatórios. Ele ama a forma como o pai toca os óculos com a ponta do dedo para ajeitá-lo no rosto.
Ross teve de enfrentar muitas coisas com seu filho, até mesmo em casos de levar o pequeno Buzz para acompanhá-lo enquanto dava aulas, o que o menino adorava fazer, pois aprendiam cada vez mais. Ross não abriria mão de sua vida; um bem maior havia lhe dado o melhor presente de sua vida. Seu filho.


Relação com Noah:

Assim que encontrou com Noah, sentiu uma atração por ele que logo se transformou em apenas admiração. Noah é hetero e Buzz não queria incomodar o espaço de ninguém, então apenas investiu na amizade dos dois, lógico, quando não estava com seu rosto enfiado em algum livro.

Par:

(x) sim, mas a autora escolhe.
() sim, o Noah.
() sim, mas eu escolho:
() tanto faz.
() prefiro que meu personagem não tenha par.

Relação com o mesmo:
Sim; no começo ficará um tanto sem jeito, pois nunca se envolveram com alguém, e o único afeto que trocara fora com seu pai. Mas depois que deixasse rolar, seria carinhoso e o ajudaria com o que precisasse. Iria dar algumas dicas de estratégias e sempre que pudesse, passaria momentos únicos e a dois.

Que gosto tem a “bebida dos deuses” para você?

Sorvete de baunilha

✘ P A L A V R A - C H A V E:

Apolo é quente *Lenny face*

Já participou de alguma missão? Se sim, conte um pouco sobre ela:

Ainda não

Caso haja uma missão durante o decorrer da fic, prefere ficar no acampamento ou se voluntariar? (baixou jogos vorazes aqui.q)

I volunteer, I volunteer as tribute (KATNISS MEU AMO)

Arma(s):

Dardos e espadas.

Algo mais?

Cuida dele <3








And with words unspoken
A silent devotion
I know you know what I mean
And the end is unknown
But I think I'm ready




Nome:

Teresa Folwst

Apelido:

Tessa

Idade:

16 anos

Novato ou veterano?

Veterana. Está lá há um ano.

Data de nascimento:

5 de Agosto de 2000

Signo:

Leão

Orientação sexual

Heterossexual

Pai/Mãe Olimpiano:

Ares

Pai/Mãe Mortal:

Joana Folwst

Aparência:





Teresa é uma menina incrivelmente bela e sensual. O seu corpo foi perfeitamente esculpido, do qual é esguio com curvas que deixam qualquer um louco. Os seus olhos são castanhos e penetrantes, cercados por seus cílios imensos. A extensão de seu cabelo castanho e pesado vai até as suas costas.
Só basta semicerrar seus olhos e um sorriso de canto, que a torna ainda mais bela. Às vezes passa uma imagem de ser uma menina fofa, mas só à distância, pois por ser filha de Ares acaba tendo uma personalidade forte, que na maioria das vezes está manipulando ou irritada. Ela possui 1,70 de altura.



Famoso que o(a) representa:

Nina Dobrev

História:

Tessa cresceu com todos os mimos que sua mãe lhe dava. Era cercada por crianças mimadas, todas filhinhas de papai que só pensavam em coisas fúteis. Enquanto as meninas de sua idade quando pequena estavam brincando de Barbie, Tessa queria estar correndo pela rua e brincando de lutinha com meninos. E ela não entrava em nenhuma briga se não fosse para ganhar. A menina era incontrolável quando entrava em alguma disputa, parecia que dos seus olhos chamas se acendiam e elas só se apagavam quando Tessa concluía o que queria.
Cresceu com sua mãe lhe reprimindo de diversas coisas, e sempre quando alguma coisa que fazia incomodava sua mãe, ela lhe dizia “isso tudo é culpa do seu pai. Por que diabos você o puxou?” e a menina nunca havia sequer visto uma foto dele. Sua mãe dizia que o apartamento em que moravam havia pegado fogo, e que foi lá onde o pai dela havia morrido e deixado sua família. Ela já havia sonhado algumas vezes, conversava com um homem nos sonhos que nunca era possível visualizar seu rosto, apenas sua silhueta.
Quando completará quinze anos, estava num parque aquático com sua mãe quando lhe atacaram no vestiário. Sua mãe correu com a menina, mas correr não foi o suficiente. Seu instintos ajudaram Tessa a se manter viva, mas não fizeram o mesmo pela sua mãe. Quando ficou sem rumo e sem para onde ir, foi chamada para o Acampamento, onde podia se sentir em casa e mais próxima de seu pai, o qual acabou descobrindo que era vivo, e um deus. E saber essa última parte lhe causou uma fúria, fazendo-a soltar alguns palavrões. “Vocês estão brincando comigo? Eu não estou para piadinhas”. Levou algum tempinho até que ela caísse na real e se tornasse uma das maiores competidoras do Acampamento.

Personalidade:

Sua sensualidade é notável à distância. Tanto homens quanto mulheres são vitimas da menina, quando esta quer conseguir alguma coisa. Ela pode mentir e manipular se isso for necessário, e não hesita em fazer. Seu coração pode ser considerado por muitos uma pedra fria, exceto aqueles que ela tem afeto, os quais costuma proteger de tudo e todos.
Ela tem humor negro, fazendo muitas vezes piadas que não agradam algumas pessoas. Mas o fato de fazer piada faz com que sua vida, de certo modo, melhore. Aliás, tirar sarro de si mesma é a melhor forma de sobreviver dia após dia. Mas não queria tirar sarro dela, caso faça sairá com um olho roxo.



A companhia dela pode ser bastante agradável, se você não a contrariar. Seu lado explosivo a torna diferente do que costuma ser normalmente, sempre seduzindo e sorrindo, mostrando a beleza que lhe foi dada. Ela é sarcástica e bem humorada.
Considera-se vingativa e calculista, raciocinando a todo o momento antes de dar qualquer passo. Pode ser bastante agressiva quando esta se mete em problemas, libertando uma raiva contida dentro de si, por tudo o que viveu. Em seus momentos de fúria, acaba descontando no que estiver por perto.



Ela tem autoconfiança, e costuma fazer questão de mostrar isso a todos. Não se reprime de mostrar seu corpo, vestindo sempre roupas que a valorizam, fazendo com que muitos a desejem.
Muitos dizem que ela é somente “um rostinho bonito”. Entretanto, não se deixem enganar pela boa aparência que ela possui, observadora e curiosa da forma que é muitas vezes está por dentro de tudo que acontece, sempre procurando saber mais e mais. Inclusive, é uma ótima investigadora, onde voltamos à parte sobre ela ser sensual, do qual ela usa para obter informações ou até mesmo entrar em lugares que não deve.



Não tem medo de enfrentar o perigo. Para ela, enfrentar os obstáculos da vida é melhor do que não tentar. Mesmo que tenha medo, não demonstrará. Se alguém falar mais alto que ela, ela irá falar duas vezes mais alto. Odeia receber ordens, mas isso não significa que ela não as siga. Mesmo que arrume muitos problemas, ela procura evitar alguns mais graves. É melhor agir as escondidas do que se tornar uma inimiga publica.
Ela adora uma encrenca e sempre que possível estará lá, rapidamente como uma luz.

Gostos:

- Batalhas –
- Treinamentos –
- Concluir seus objetivos –
- Noite –
- Competição –
- Desafios -

Desgostos:

- Não ter a atenção que quer –
- Ser contrariada –
- Falta de comprometimento –
- Perder batalhas –
- Indidelidade –
- Covardes –

Trauma(s):

Abelhas

Doença(s) ou alergia(s):

Dislexia e alergia a abelhas

Habilidade(s):

Força Bruta - Todos os filhos de Ares são mais fortes, agéis e resistentes que o normal. Ferimentos leves são curados rapidamente. E podem até anular a dor.
Conhecimento Bélico - Como filhos de Ares sabem lutar todas as artes maciais, manejar com ótima perícia qualquer arma branca, e até de outros tipos. Alguns ainda tem até controle sobre elas. Podendo fazer uma espada voltar para sua mão caso caia no chão. Alguns também possuem mira perfeita.

Poderes:

Grito de Batalha - Com apenas poucas palavras podem fazer pessoas começarem se odiarem e brigarem entre si. Mas também podem fazer o oposto unir pessoas para lutarem por um inimigo em comum.
Aparência da Guerra - Fazem uma armadura grega surgir no seu corpo assim que desejam, do elmo à botas. Alguns podem ficar maiores do que são realmente, ou assumir faces de feras ou demônicas, apenas para amendrontar o oponete.

Faz alguma tarefa especial no acampamento?

Líder de Chalé.

Família:
Relação com seu parente divino:

Tessa tem raiva a todo o momento que pensa no seu pai. O primeiro que passar na sua frente acaba recebendo um xingamento ou até mesmo uma “ombrada”. Ela o admira por ser o deus da Guerra, encorajando-a ainda mais a nunca andar para trás com medo de enfrentar seus obstáculos. Mas ainda assim tem vontade de socar alguém quando lembra dele.

Relação com seu(s) parente(s) mortal(ais):



Joana Folwst – Mãe – 40 anos – Estilista

Tessa sempre viveu cercada por câmeras. Sua mãe, uma grande estilista, sempre teve todos atrás da mesma para registrar cada passo que dava. Por mais que sua mãe fosse controladora, querendo que sua filha sempre estivesse apresentável para a mídia, Tessa amava sua mãe mais que tudo. Perde-la foi a pior coisa que poderia acontecer com a garota, ela se sentiu completamente sem chão e arrependida de não ter usado mais tempo demonstrando carinho a sua mãe do que brigando, brigando... e brigando novamente.
Tessa carrega um cordão com um pingente de Arco e Flecha que sua mãe lhe deu um dia antes de morrer.


Relação com Noah:

“Uma cara nova para eu socar”, ela pensou quando o viu. Sempre cumprimenta ele quando o vê, um sorriso sarcástico e olhos sedentos por luta. Ela o acha um pouco exibido, porque sabe que a maioria das garotas do Acampamento dá mole para ele. E ela nem vê tanta graça assim... ou ela acha que não vê.

Par:

(x) sim, mas a autora escolhe.
(x) sim, o Noah.
() sim, mas eu escolho:
() tanto faz.
() prefiro que meu personagem não tenha par.

Relação com o mesmo:

“Eu não estou gostando de você, cala essa boca”, com toda certeza essa seria uma das primeiras frases que falaria para seu par quando estivesse completamente apaixonada. Ela tentaria reprimir seus sentimentos por ser tão competitiva, e ela acha que amor faz você se tornar fraco. E ela não quer isso pra si. Porém, seu coração acabará a traindo e ela se renderá ao amor. E quando o fizer, se mostrara uma ótima companheira, talvez um tanto ciumenta e carente de atenção, mas uma garota divertida que quando abaixa a guarda se torna uma das melhores pessoa para se ter por perto.

Que gosto tem a “bebida dos deuses” para você?

Suco de groselha

✘ P A L A V R A - C H A V E:

Apolo é quente *Lenny face*

Já participou de alguma missão? Se sim, conte um pouco sobre ela:

Ainda não

Caso haja uma missão durante o decorrer da fic, prefere ficar no acampamento ou se voluntariar? (baixou jogos vorazes aqui.q)

I volunteer, I volunteer as tribute (KATNISS MEU AMO) VERSAO 2! FDJHF

Arma(s):

Espada e machado

Algo mais?

Eu to ansioso AAAAA




Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...