~WheezyWeasley

WheezyWeasley
The Heir
Nome: Herdeira das Trevas, of Privet Drive No 4
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Maceio, Alagoas, Brasil
Aniversário: 30 de Dezembro
Idade: 15
Cadastro:

Means


Postado



⚓ Ficha ⚓


> Nome:

Pandora Margareth Osbourne

> Apelido:

Pands, Pandy, Panda, Dory, Dora, Maggie, Oz, Ozzie, Osbourne

> Idade:

17 anos

> Data de nascimento:

31 de Dezembro [Capricorniana]

> Aparência:








Pandora é uma garota de longos e lisos (incontroláveis) cabelos loiros que sempre parecem um tufão, com frios olhos azuis que parecem puramente gelo e os lábios que formam sempre um sorriso tímido e totalmente insensível. Ela possui um metro e setenta e três de altura e uns bons cinquenta quilos. Pele branca feito leite é muito magricela. Seios medianos e um corpo com curvas naturais.

> Personalidade:

Pandora pode ser bastante irônica e sarcástica às vezes, o que pode chegar a irritar bastante. Tem um sorriso que às vezes se passa por debochado e outras vezes por sincero e gentil. Ela tem seus dias bons e ruins. Nos bons, pode se mostrar uma pessoa calada, que presta atenção em cada mínimo detalhe que se passa ao seu redor, tendo uma memória melhor do que muitos, pode ser gentil e bastante tímida, ficando no seu canto e preferindo ficar sozinha, dentro do mundo dos seus livros ou desenhos. Nos dias ruins, ela continua calada, mas muito irritadiça e pode ser sincera até demais, estourando o limite de paciência de qualquer um que estiver ao seu redor, bastante agressiva e sempre querendo silêncio. Acima de tudo, Pandora é muito verdadeira e leal, mostrando-se uma amiga de verdade e para todas as horas. Ela pode parecer louca ás vezes, muitíssimo atrapalhada, passando mico nas piores horas e responsável por quebrar o clima de tensão. Muito inteligente, com notas altíssimas e um vocabulário dividido entre o formal e o que é cheio de palavrões. Tem o hábito de sempre ser aquela que levanta a mão nas aulas para perguntar ao professor, que não liga se está passando mico (na verdade ela nem percebe), ela é bastante nerd e prefere ficar em casa jogando vídeo-game, escrevendo, desenhando, grafitando ou lendo do que ir ficar bêbada. Ela é bastante focada nos estudos e está sempre lendo algum livro pelos cantos ou desenhando em seu caderno. Tem seus dias que está totalmente dispersa, isso só acontece quando seu padrinho vem vê-la.

Ozzie, como é chamada por pessoas íntimas a ela, tem um senso de justiça inigualável, sempre tentando trazer um pouco de justiça para aquele colégio que já a fez sofrer muito. Ela é muito geek e uma cinéfila com letras maiúsculas em tom de neon. Ela tem um espirito livre e cheio de positividade, sendo que às vezes chega a ser uma maluca que anda pelos corredores com os milhares de livros emprestados da biblioteca e com o nível de negatividade subindo (o que pode-se dizer que é consequência das provas). Não se diz uma pessoa religiosa, mas diz que tem fé, mas fé nela mesma, pois ela crê que as coisas só acontecem se a pessoa tiver força de vontade o bastante para fazê-las acontecer. Provavelmente, na maioria das vezes, nunca a verá com o descontrole emocional, pois pode ser fria e bastante insensível ás vezes. Educada e com tremendas gaguejadas quando fala com alguém já que não está acostumada com pessoas se dirigindo a palavra à ela.

Oz, outro de seus famosos apelidos, dado gentilmente por seu padrinho, tem uma memória eidética, se lembrando de acontecimentos que ninguém se recorda direito. Ela tem o hábito de toda vez que é desafiada fazer de tudo para ganhar, mesmo que não tenha prêmio. Se esforça bastante para sempre evoluir, é algo que faz para se manter ocupada, um gênio que tem vários problemas, mas lida com eles como lida com uma criança, tem seus altos e baixos, o que causa suas mudanças de atitude em alguns dias. Ela é uma ótima conselheira, já que passou por várias coisas. Se diz uma pessoa que mudou bastante, que evoluiu, que parou de ser aquela desequilibrada e sem ideia de mundo. Ela se diz que mudou para melhor e ainda está trabalhando para não ter recaídas.



> História:

Pandora nasceu em meio de um família rica, conhecida por todos como aqueles que dominavam o mercado de tecnologia, por isso há o seu vício em internet e seu entendimento fora do normal tanto mecanicamente quanto virtualmente sobre os aparelhos. Ela cresceu sendo a caçula e terceira filha do casal Patrick e Miranda Osbourne, conhecidos pela boa aparência e todos os dias estarem em um lugar do mundo. Com isso, ela foi criada por inúmeros empregados em uma enorme casa na Califórnia, onde seus pais sempre davam o que ela queria e sumiam pelo mundo, com reuniões em várias filiais da empresa. Seus dois irmãos mais velhos tem uma diferença bem pouca, mas sempre quiseram viajar com os pais e mudavam de colégio à cada seis meses. Pandora, sendo pequena, foi abandonada pelos pais, com uma vaga já admitida no melhor colégio da Califórnia.

Ela, sem aquelas regras imposta pelos pais, cresceu absolutamente sem limites, uma garota incontrolável, que quebrava todas as regras e já chegou a ser presa por ultrapassar a velocidade, dirigir embriagada e ainda menor de idade nas ruas da Califórnia aos quinze anos, mas fora solta graças ao dinheiro dos pais. Para os pais, Pandora era a ovelha negra da família, pois todo mês eles tinham que abafar algum escândalo que Ozzie fazia questão de dar para os paparazzis. Ela era viciada em bebida alcoólica e adorava ser o centro das atenções. Quando chegou a brigar nos corredores do colégio e a roubar lojas e qualquer coisa que não fosse dela, e a quebrar as coisas por raiva e ficar bêbada nas aulas, decidiram levá-la a um médico que a diagnosticou com Transtorno Explosivo Intermitente e Alcoólatra. Assim, aos seus dezesseis anos saiu do colégio para felicidade de muitos e foi para um Centro de Reabilitação e recebeu seus estudos lá. Teve um padrinho para seu vício que não para de visitá-la e sempre a leva no colégio. O padrinho percebeu que Pandora mudou muito e que seria bom para ela voltar para o colégio. Os pais, pensando que seria bom para a filha enfrentar seus medos e a mancha do passado, assim como controlar o vício e o TEI, a fizeram fazer o teste para entrar novamente e Pandora entrou com méritos.

Ela se mudou para um apartamento luxuoso na Califórnia, enorme demais para quem iria morar sozinha e seu padrinho foi com ela, para aconselhá-la e ajudá-la nos problemas que vier. Eles sempre conversam e foi ele que a ajudou a decorar o apartamento, que ela fez questão de grafitar todas as paredes e enfeitar com os inúmeros livros que lera em um ano que passara fora. Pandora se sente nervosa em ver todos aqueles rostos novamente e no que todos vão pensar em ver a louca bêbada totalmente mudada. Todos sabem o que ela aprontou há dois anos e a olham estranho. Pandora toma remédio para controlar seu TEI, mas nem sempre ajuda, ela tem que respirar fundo e contar até dez em francês, algo que sue padrinho lhe ensinou. Ela sabe que irá fazer seu último ano com seus dezoito anos incompletos e fará de tudo para mudar seu antigo jeito de ser, o que já é uma boa causa para as pobres almas que ela tanto atormentou.


> Família :

Miranda Osbourne, 44 anos, Mãe


Miranda e Pandora tem uma relação bem distante, pelas poucas vezes que sua mãe vai visitá-la, as duas ficam em um silêncio constrangedor. Pandora sabe que a mãe quer falar algo para ela, mas não tem coragem. Miranda realmente ama a filha, mas a distância impediu a aproximação. Miranda lembra sua juventude também manchada quando vê Pandora, o que de um lado a deixa feliz por saber que elas tem algo em comum e a partir do início das aulas de Pandora, irá fazer de tudo para ir visitá-la mais vezes e ficar no apartamento com a filha mais vezes, principalmente com a provável separação que terá com o marido. Miranda já nasceu rica e é dona de setenta e cinco por cento da empresa.

Patrick Osbourne, 49 anos, Pai


Patrick e Pandora não se dão nada bem. O pai acha que a filha é uma delinquente perturbada que pode explodir a qualquer momento e quase nunca vai visitá-la a não ser que seja seu aniversário (para criticá-la ou ser sarcástico), e para feriados, onde faz a maior festa e não faz questão de conversar com ela. Se colocarem os dois juntos numa sala, os gritos e palavrões vão rolar. Patrick tem várias amantes e Pandora sabe, está no meio de uma guerra de advogados para se separar da mulher e arranjar um jeito de ficar com a empresa apenas para si. Os seus filhos mais velhos o apoiam, enquanto Pandora fica do lado da mãe, mesmo que não sejam próximas.

Patrick Osbourne II, 22 anos, Irmão


Pandora e Pats não se dão nada bem, ambos tem temperamento forte e não se deixam levar por desaforos que o irmão insiste em dar. Patrick é um galinha que não liga para a emoção de ninguém, também teve seus tempos de festeiros, ainda é, e se valoriza por nunca ter sido preso e insiste em dizer que ele será o próximo CEO das empresas e não ela, já que o pai vai acabar ganhando o divórcio que nem mesmo os jornais estão sabendo.

Chuck Michael Osbourne, 20 anos, Irmão


Chuck é um ótimo irmão, trabalha ao lado do pai, sempre cuidando de Pandora e ligando para ver se ela está bem. Pandora sabe que ele só está do lado do pai no divórcio para manter seu emprego na empresa, já que ele e a mãe não se dão muito bem desde que ele foi expulso do mesmo colégio que Pandora estuda. Chuck mudou muito, Pandora tem ele como inspiração, apesar de se falarem duas vezes por mês, pois o irmão é muito ocupado, mas o mesmo largaria tudo caso Pandora precisasse dele. Estudou muito para chegar onde está e é capaz de fazer as pazes com a mãe para derrubar o pai e colocar todos os podres da família, ele é o único que chama Pandora de Maggie.

> Ocupação:

Clube de Matemática e Física, Membro do Clube de Natação

> Orientação sexual:

Gray-Assexual, Homorromântica

> Deseja par?

Sim

> Relação com par:

Ozzie nunca teve uma relação fixa e séria, nos seus tempos perdidos ela pegava todo mundo e era totalmente descontraída, até pensava ser heterossexual só para orgulhar o pai preconceituoso. Ela vai querer espaço e vai saber se soltar quando estiver com ele, mesmo sendo tímida e duas vezes mais atrapalhada. Ela vai retribuir tudo que o par lhe der, saberá soltar seus sentimentos e deixar de lado a menina fria, por vezes voltando a ser a antiga desinibida, mas com medo de se soltar demais.

> Relação com Beatriz Foster:

Pandora, não sendo tão comunicativa, não vai ser tão próxima de Beatriz, mesmo que goste de conversar com alguém com um assunto sempre bom, mas o jeito hiperativo da ruiva a fará se lembrar do seu passado, já que todo mundo sabe seu nome e o diretor adora ficar de olho nela, desde que soltou fogos de artifícios em sua sala e pintou os corredores da escola. Adoraria ter uma boa conversa com ela ás vezes.

> Relação com Bella Young:

Pandora vai ficar um pouco próxima de Bella, já que vai se aproximar por sua personalidade e não por quem era, já que a menina não liga para quem ela foi, mesmo que Pandora insista em esconder que passou esses anos longe por ter ido para a reabilitação, apesar de todo mundo ter suas dúvidas.

> Relação com Ella Montgomery:

Pandora sempre vai pedir ajuda à Ella em algumas matérias e para lhe mostrar o colégio, já que seus tempos ali dentro eram meio conturbados e ainda conseguia se perder. Serão amigas próximas, sempre que puder pedirá um conselho à Ella sobre "hipoteticamente, caso alguém faça...". Pandora odeia falar do seu lado pessoal e seu passado, ainda mais sobre seu diagnóstico.

> Vícios:

Alcoólotra em Reabilitação
Café
Fumante em Reabilitação
Drogada em Reabilitação


> Música tema:

"Are you insane like me? Been in pain like me?"

- Gasoline, Halsey

"I'm bigger than my body
I'm colder than this home
I'm meaner than my demons
I'm bigger than these bones"

- Control, Halsey

Good Girls Go Bad - Cobra Starship


> Gostos e Desgostos:

Gostos:Pizza, Refrigerante, Sucos, Café, Doces, Filmes, Pessoas Justas, Honestidade, Inverno, Internet, qualquer coisa que a mantenha ocupada.
Desgosto:Quem mandem nela, injustiça, cigarro (apesar de no passado fumar por diversão), Chás, Castanha, Falsidade, Multidão (isso lhe faz lembrar das altas festas que dava e ia), traição.

> Qualidades e Defeitos:

Qualidades:Leal, Sincera, Engraçada e uma amiga para todas as horas.
Defeitos:Teimosa, Agressiva, Protetora, Sincera até demais.

> Habilidades:

Consegue fazer contas mais rápido do que qualquer um, tem a habilidade de memorizar qualquer coisa, desde á trechos de livros á acontecimentos de eventos que ela nem estava presente, tem a capacidade de consertar qualquer aparelho tecnológico e é uma hacker profissional, capaz de entender as coisas mais rápidos do que qualquer outro. Fisicamente ela pode correr quilômetros em minutos, já que é uma atividade que sue padrinho impôs, quis entrar para a equipe de atletismo, mas sua paixão é nadar, desde de criança e essa habilidade está sempre evoluindo, lhe dando braços e coxas definidas.

> Manias e Hobbies:

Manias:
Tem mania de pintar nos seus dias de reflexão, tem até um quarto só para pintar, tem mania de batucar os dedos quando está impaciente e enrolar o cabelo quando está pensando demais, nervosa ou preocupada. Ela tem mania de estralar os dedos quando está preocupada e morder o lábio quando está receosa em dizer alguma coisa e adora extravasar a raiva quebrando as coisas, principalmente a cara das pessoas, por isso evita chamar atenção, o que não irá conseguir, já que todo mundo quer descobrir o que houve como "A Bêbada de Delawcut".

Hobbies:Correr, nadar, grafitar, pintar, desenhar, fazer cálculos, assistir filmes, ler, escrever e fotografar pessoas e paisagens.

> Possui preferência por alguma autora para escrever sobre seu personagem?

Não

> Algo mais?




⚓ Ficha ⚓

> Nome:

Shane Octavian Bittencourt

> Apelido:

S, Bitt (por Pandora), Shanie (por Pandora, ele odeia este apelido), Bittencourt

> Idade:

18 anos

> Data de nascimento:

31 de Outubro [Escorpião]

> Aparência:











Shane tem os cabelos castanhos escuros, quase negros, com cheiro de chocolate. Possui o queixo pontudo e a pele branca e lisa. Seu sorriso está sempre de um jeito meio convencido e debochado, juntamente com seus olhos castanhos bem expressivos, podendo demonstrar bastante o que sente. Ele possui um corpo definido, mas nem tão parrudo, porém sexy. Tem uma média de um metro e extent and e um de altura, sendo bem zoado por Pandora por causa da garota ser só dois centímetros mais alta. Pesa uma média de sessenta quilos.

[/b]> Personalidade:[/b]

[i]Shane é um garoto bem dedicado à Pandora, sempre tentando dar conselhos à mesma. Ele é bem extrovertido e adora dar festas (mas não bebe, não mais), apenas adora ser o centro das atenções e tem um carisma inabalável.


> História:{ A história conterá pessoas nascidas na cidade que se encontram migrando para a mesma de volta no ano em questão, portando se seu personagem estava viajando, trabalhando ou exercendo qualquer coisa que o deixou fora da cidade e esse é o ano de seu retorno, deixe bem claro}
> Família : {Relação, idade e grau de parentesco}
> Ocupação: { Se participa de algum clube ou algum time da escola ou universidade}
> Orientação sexual:
> Deseja par?
> Relação com par: {caso queira}
> Relação com Beatriz Foster: {Personagem da @Cinderella}
> Relação com Bella Young: {Personagem da @Argentsz}
> Relação com Ella Montgomery: {Personagem da @Argent-}
> Vícios: {se tiver}
> Música tema:
> Gostos e Desgostos:
> Qualidades e Defeitos:
> Habilidades:
> Manias e Hobbies:
> Possui preferência por alguma autora para escrever sobre seu personagem?
> Algo mais?

Escutando: Gasoline - Halsey
Lendo: Coração de Tinta

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...