~yourgrace

yourgrace
.+just kidding
Nome: .¸¸.*♡*.yourgrace.*♡*.¸¸.
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Andradina, São Paulo, Brasil
Aniversário: 18 de Maio
Idade: 15
Cadastro:

• We Found Love •


Postado


Oh, when the ɢιгls, when the ɢιгls talk
When the ɢιгls talk 𝓫𝓸𝔂𝓼, hey
When you're talking to your ɢιгls
Do you {{ t a l k }} about me?
Girls Talk Boys by 5 Seconds of Summer


Eυ ѕoυ o qυe ɴαѕcι pαrα ѕer
『Nome Completo』

➵ Audrey Eileen Moore.
Audrey significa "força nobre” ou “aquela que é nobre e forte”.
Eileen significa “a reluzente”, “a resplandecente”, ou “maçã”, “avelã” ou ainda “desejada”.

『Idade』

➵ 17 anos.
• É do signo de ♒ Aquário ♒.
• Nascida no dia 22 de janeiro às 07:37 horas da manhã.

『Apelido』

➵ Andy || Drew || Aquariana.

『Nacionalidade』

➵ Arenes.

『Personalidade』




➵ O espírito de Audrey é o mais aventureiro possível, gosta de se arriscar com o desconhecido e de viver a vida apreciando cada detalhe, aproveitando tudo de bom que a vida lhe pode oferecer, sem pensar no ontem nem no amanhã, apenas no agora. A garota é corajosa, não tem medo de enfrentar o inesperado, o que a faz destemida por ser uma pessoa valente, com ausência de medos. Parece ser um poço de paciência ambulante de tão paciente que é, ela tem uma capacidade inexplicável de lidar com as pessoas, é tranquila, por isso consegue agir em situações de pressão ou encurralamento, sendo boa com desculpas e explicações.
Andy é envolta pela capa da simpatia, tem uma facilidade em aparentar boa e reconfortante para as pessoas, trata todos da mesma maneira, com educação, faz o tipo que conquista as pessoas com um sorriso amigo, que se sente bem se dá um "bom dia" para que está passando. Audrey é uma das pessoas mais confiáveis que você pode conhecer, sendo uma boa amiga e uma boa conselheira, uma pessoa em que realmente se pode apoiar. É dotada de uma gentileza, a capacidade de perceber uma necessidade e retribuir um feito, sem cobrar nada, possui um coração enorme, sendo generosa e estando sempre disponível para ajudar quem precisa.
É honesta pois recebeu uma das melhores educações que poderia vir a receber, age corretamente mesmo que seja contrária a sua vontade, tudo que faz tem decência. Dotada de bom-senso, Drew possui equilíbrio nas decisões e nos julgamentos. É totalmente leal, fiel aos próximos, possui e mantém palavra, suas relações e atitudes são imutáveis quando está relacionada a alguém, é firme e nunca volta atrás para quem acompanha/ serve. A garota é brilhante, por ser inteligente e possuir algo fora do comum, Audrey é dona de traços lógicos fora do comum, porém, não gosta de mostrar esses traços, por isso os esconde.
Ela é, de fato, uma mulher independente; está ciente de todos os seus atos e os administra com uma facilidade extraordinária. Gosta de fazer tudo que pode por conta própria, mas, não é orgulhosa. A menina é preocupada, ou seja, ela sempre fica aflita quando sente que tem algo errado acontecendo, faz de tudo para que as coisas saiam devidamente planejadas.
O modo com o qual age é imprevisível, nunca dá para saber ao certo o que ela vai fazer, por isso não dá para a examinar e prever o que realmente vá acontecer em seguida. A teimosia definitivamente não faz parte dos seus traços, porém, a garota tende a contrariar as demais pessoas em suas opiniões e atos, sempre tentando mostrar um caminho alternativo. Audrey, definitivamente, não gosta de traição. Na verdade, ela detesta qualquer coisa relacionada a infidelidade, seja o no fato amoroso, quanto na amizade.
Apesar de ser simpática, a menina não é emocional, não que ela não possua sentimentos, mas, apenas não se envolve muito quando o assunto são as emoções. Sincera, Audrey nunca omiti suas palavras, ela também não é do tipo que esconde as coisas erradas ou conta mentiras para não magoa as pessoas. Ou seja, se alguém tem mal-hálito, ela irá simplesmente lhe dizer que está com mal-hálito. Não é a pessoa mais tímida de todas, porém, ela é fechada com os que não conhece, por isso, nada ultrapassa o seu "bom-dia", ela gosta de ficar no canto dela. Porém, quando está com os amigos e com as amigas, ela se solta e é bem animada. Andy é capaz de entender todos os pontos de vista, por isso, é uma pessoa justa e a mais apropriada para tomar decisões quando necessário. A menina gosta de diálogos diretos, não fala em metáforas pois acha que atrapalha o processo.
Possui uma mente aberta, como imaginação fértil, também é ótima com palavras e discursos e, por ser direta com as palavras, convence os demais com facilidade. Com seu espírito aventureiro, gosta de quebrar algumas regras, mas nada drástico.Não se entrega de alma tão rápido. Porém, uma vez que decide que vale a pena amar alguém, se converte em uma amiga ou amante disposto a sacrificar tudo por seu companheiro e ser fiel durante a vida inteira. Defensora dos animas, a menina está pronta para mostrar-se forte quando o assunto são os bichinhos, sejam eles aquáticos ou terrestres.Ela é persistente ao máximo, não desiste quase nunca, pode chegar a ser até irritante; em grande parte, sempre consegue o que quer por sua determinação.


『História』

➵ Anne era uma mulher simples, ela trabalhava como veterinária no Aquário de Arenes. Damian era um homem de apenas 20 anos, minimalista, cheio de si e orgulhoso de ser amigo da rainha e do rei, herdeiro da rede de prédios Moore. A empresa Moore planejava ampliar o seus territórios, por isso, eles estavam negociando o território para que pudesse haver essa ampliação territorial. Entretanto, parte do território que viria a ser tomado tratava-se de uma reserva natural de Arenes. Anne que, além de veterinária, era filiada das ONGs de proteção a vegetação e as espécies animais de Grëna, juntou a um grupo de amigos e iniciou um processo contra a empresa Moore. Inconformado com o processo jurídico, Damian fora tirar satisfação com o grupo responsável pela intimação. Depois de alguns meses de briga na justiça, a rede de prédios teve que jogar a toalha: eles teriam que achar um outro local para ocupar e, ainda levariam de dano uma indenização de quase vinte mil reais.
Inconformado com tal fato, Damian fora tirar satisfações com a líder do grupo, ou seja, Anne. Durante muito tempo, ambos viveram em um grande pé-de-guerra, mas, não podiam negar que, tinham uma atração carnal um pelo outro. Assim, passaram a conviver, até que o homem tivera coragem de a convidar para um encontro. Influenciada pelas amigas, Anne acabou aceitando. Nesse encontro, o casal acabou por descobrir ter mais coisas em comum do que imaginavam.De uma maneira surpreendente, três anos mais tarde eles se uniram em matrimônio.
O que o casal mais desejava, era ter um filho, porém, Ann possuía um problema que a incapacitava de ter filhos. Fora um milagre quando descobriram que a mulher estava grávida de quatro semanas de um bebê. A gestação da menina Audrey fora de completo risco, mas felizmente, no dia 22 de janeiro, do signo de aquário, nascera uma bela criança, forte e sorridente.


Era uma criança muito sortuda, isso ninguém poderia negar: os pais a amavam e ela era desejada, tinha uma casa enorme, para que pudesse correr por todos os lados, recebera das melhores educações e, até amizade com a princesa ela tinha.
Desde muito pequena, Audrey fora aventureira e agitada, a menina adora brincar de esconde-esconde com o jardineiro da casa, ela também amava sai para fazer as compras do mês com a cozinheira da casa e se perder no super mercado. Um dos seus passatempos favoritos quando menor era inventar brincadeiras e jogos variados. Ela adorava se sentar com os colgas de escola (ou com a princesa) para brincar com os seus jogos e, ironicamente apenas ela sabia como vencer na brincadeira.
O amor pelos animais marinhos veio muito cedo também. Por mais que Damian insistisse para que Anne largasse o seu emprego e vivesse como dona de casa, a mulher negou-se a abandonar o aquário e os animais que ela tanto amava. Por isso, Andy logo apegou-se aos animais, ela sempre acompanhava a mãe até o trabalho, a ajudava com as pequisas e adorava cuidar dos animais marinhos, como as focas, que sempre simpatizaram bastante com a garota.
Ao completar os seus 14 anos, o pai decidiu que era hora de ensinar para a menina os bons modos conservadores de uma moça de família, contudo, por ser agitada e por ter espírito aventureiro, Audrey bateu o pé para os bons modos. Por fim, fora necessário que Anne negociasse com os dois um acordo: Audrey faria todas as aulas de boas maneiras, porém, ela poderia visitar o aquário ou viver uma de suas aventuras (como acampar) quando quisesse.


Os anos foram passando, Audrey já tinha os seus dezessete anos de idade, quando sua mãe descobriu estar grávida novamente. A casa explodiu em comemoração, depois de muito tempo, a família receberia um novo membro! Porém, mais uma vez a gravidez era de risco, tanto por conta da idade da mulher, 40 anos, tanto pelo problema que a incapacitava de engravidar. Desse modo, fora necessária qualquer atenção para que nada de ruim acontecesse durante a gestação.
Audrey sempre fora muito ligada a mãe, elas compartilhavam todos os gostos, por isso, a menina era como a secretária particular, amiga de todas as horas e apoiadora em todos os momentos com Anne. Assim quando, alguns meses depois da descoberta da gravidez, Andy escutou pelo telefone a voz aflita de seu pai, informando que a mãe havia sofrido um grave acidente no caminha até o trabalho, ela não perdeu tempo em correr até o hospital.
Felizmente, nada de grave acontecera com Anne, ela apenas fraturara uma das pernas, mas, o mesmo não poderia ser dito do feto. A pancada do acidente de carro havia atingido em cheio a barriga da mulher, o bebê havia sido abortado.
Incapacitada de trabalhar, tanto emocionalmente quando moralmente, a mulher fora deixada de alta em casa e Drew assumira o seu trabalho no aquário. Era claro que ter a menina ali não era o mesmo de ter uma veterinária com Anne, mas a garota sabia fazer várias coisas e era uma bela mão na roda.


Enquanto ajudava no aquário, Audrey acabou se envolvendo com o caso de uma foca que esperava um filhote. A foca era como sua mãe, com uma idade mais avançada do que o comum para ter um filhote, sua gestação exigia o cuidado médico, uma dieta complexa, precisava que tudo fosse feito com o maior cuidado. Com o passar o tempo, a menina criou laços com o animal, ela se sentia próxima a ele.
Então, quando o dia de dar a luz aos dois filhotes estava chegando, Andy passava todo o seu tempo com a foca. Fora terrível para ela voltar para casa no dia em que a "amiga" estava passando mal, a garota sentia como se estivesse traindo o animal. Mas, mesmo de muito pedir para passar a noite ali, ela fora negada, pois ninguém confiava p suficiente em uma adolescente.
A ansiedade de Audrey fora tão grande que, no meio da noite, a menina saíra de casa e fora até o aquário, encapuzada da cabeça aos pés, ela invadiu a locação. Para o seu alívio, a foquinha estava bem e, toda a dor de cedo não passava de uma simples indigestão. Bastava agora, apenas voltar apara casa.
Voltar. Uma única palavra, tão curta, de apenas seis letras e duas sílabas, mas que, dera para a jovem um grande prejuízo.
De alguma maneira, enquanto fazia o caminho para a saída, Audrey esbarrara em algo no aquário das tartarugas e, esse algo que ela esbarrara fez com que o vidro estourasse. Por sorte, todos os animais já estavam em seus locais de repouso e nenhuma tartaruga fora ferida.


Como estava perto da saída, a única coisa que conseguira fazer fora correr enquanto os alarmes de segurança soavam. Audrey correu loucamente até o castelo, onde encontraria a princesa, sua amiga, com quem pudesse desabafar.
Depois de conversar com a princesa, saiu para caminhar e, assim que chegou em casa algumas horas mais tarde, recebera um sermão do pai. A sua amiga, com a qual ela confiara o seu segredo, não havia aguentado a pressão e, honesta do jeito que era, acabou por contar ao pai de Audrey toda a verdade.
Damian, como era um homem muito regrado e conservador, não perdeu tempo e tomou a atitude, aquela que não fosse só um castigo, mas uma linção, de mandar Andy para o Internato, dessa vez, sendo apoiado até mesmo por Anne em sua atitude.


『Aparência』

➵ Não é difícil de notar e admitir tamanha beleza que Audrey possui. Os cabelos são originalmente castanhos, as sobrancelhas possuem a mesma coloração escura.O rosto é magro e um tanto oval, com traços bem desenhados. O nariz não é o mais fino e atraente de todos, mas não deixa de ser uma das características mais importantes em Andy, pois é por meio dele que as pessoas identificam se a garota está ou não contando uma mentira (embora seja difícil ela estar blefando). Os lábios possuem um tamanho mediana, quase sempre feridos por mordidas que se escodem na densa camada de batom marrom usado como um dos únicos sinais de vaidade da garota; por trás dos lábios encontram-se dentes perfeitamente brancos e alinhados. Com exceção da boca, os cílios são os que recebem uma boa quantia de maquiagem todas as manhãs e, embora já sejam grandes por natureza, não deixam de dar um ar aos olhos escuros e brilhantes da menina. O tom de sua pele fica no branco leitoso, já que o clima de sua província é frio e não bate muito sol. O corpo parece ter sido esculpido por anjos, sua massa de 57 kg distribui-se perfeitamente pelo seus um metro e setenta e dois centímetros, com as coxas finas, barriga até então "chapada", os braços finos e com uma leve musculatura, seios com um tamanho suficiente e nádegas são o.k.







『Representada por』

➵ Alycia Debnam Carey.

『Gosta』

➵ Observar as estrelas || Chá gelado || Ler || Escrever || Chocolate amargo - Come um ou dois pedaços por dia || Frio - por causa do clima de sua província || Aquários || Animais aquáticos || Aventuras || Praias - embora só tenha visitado uma duas vezes || Frutas || Músicas calmas || Água || Lugares abertos e altos.


『Desgosta』

➵ Festas || Gatos- tem pavor a esses animais || Chuvas || Mentiras || Filmes românticos || Sushi || Músicas altas || Estar errada || Escuro || Fogo || Mal-trato aos animais || Lugares fechados || Dor || Falta de educação.


『Manias』

➵ Audrey é dona da terrível mania de corrigir as pessoas quando elas falam algo errado.
• Possui a mania de comer chocolate quando está nervosa.
• Possui a mania de encher a boca com ar quando está brava.
• Drew tem a mania de escrever quando está insegura.
• Morde quase todas as tampas de suas canetas.

『Talentos』

➵ Como talento e hobbie, Audrey é uma boa mágica.

• É uma boa bióloga marinha, como se fosse especialista na área.

• Desenhista amadora, seu caderno é repleto de desenhos.


『Qualidades』

➵ Aventureira || Corajosa || Paciente || Simpática || Confiável || Gentil || Generosa || Fiel || Leal || Honesta || Sensata || Brilhante || Imaginação fértil || Capaz de entender todos os pontos de vida.


『Defeitos』

➵ Preocupada || Tímida || Não é emocional || Sincera || Imprevisível || Contrária a opiniões || Direta || Não se apaixona com facilidade.


『Segredos』

➵ É asmática
• Nunca beijo, mesmo que seja aventureira.
• Sabe tocar um instrumento muito comum, o violão.


『Fobias / Medos』

➵ Medo do escuro.
• Ablepsifobia — medo de ficar cega.
• Medo de perder a família.
• Algofobia — medo de dor.
• E, por fim, o mais patético: medo de se apaixonar.


『Família』


Robert Downey Jr

➵ Damian Moore || Pai || 42 anos || Damian é um homem muito conservador, ele coloca todos em linha reta apenas com o seu olhar, ele é muito severo com a filha, exige que ela seja sempre educada e tenha um bom porte. É conservador e, esse é um dos motivos para que a filha nunca tenha se apaixonado. Porém, apesar dos pesares, ela o ama e sabe que o sentimento é reciproco.



Keira Knightley

➵ Anne Moore || Mãe || 40 anos || Anne é uma mulher extremamente doce e carinhosa, ela e a filha possuem uma ótima relação, seus melhores assuntos estão relacionados ao aquário, a oceanografia e astronomia. Compartilham a maioria dos seus gostos, o que é bom, porque assim acabam se tornando mais próximas do que já são. A mãe a apoia em tudo o que faz, ela acredita no potencial da filha e, mesmo que seja contrário aos costumes da família, gosta quando inova e até mesmo quebra as regras.


『Par』

➵ Aaron Carpenter.



『Relação com』


⋆ Outras Princesas ⋆

➵ A relação que tem com as demais princesas é boa, ela gosta de todas do jeitinho que são. É claro que, não é a maior fã das patricinhas, mas, por ser uma dama de companhia, Audrey sabe como lidar com as garotas e, pela educação que recebeu, ela aguenta os mimos e os surtos das princesas. Andy procura ter uma boa amizade com essas, sento atenciosa e uma amiga para todas (todas mesmo) horas.


⋆ Princesa que acompanha ⋆

➵ Audrey será a melhor amiga da princesa que acompanha, ela fará o papel de conselheira particular, a apoiará e ajudará a tomar decisões. Assim como será a sua parceira no crime, estará lá para alertá-la sobre os seus atos. Elas terão um ótima relação, no fim, vai ser uma auxiliando a outra, uma fazendo companhia a outra.


⋆ Os meninos ⋆

➵ Não é possível pré-definir as suas amizades, mas, Audrey tende a se dar melhor com os que possuem espírito livre e aventureiro, os que são brincalhões. Já os que não se dá bem, trata-se de um grupo de pessoas com ego inflado, ou até mesmo os populares e os garotos festeiros.


⋆ Professores do Internato ⋆

➵ A menina não será a garota exemplar (além do mais, se fosse para ser, ela viria de Clarimond e não de Arenes), porém, se dará bem com os professores. Ela poderá ser uma ótima aluna, prestativa. Trocará algumas poucas palavras com os lecionadores, nada que fuja do educado e, também não fará amizades com os professores, a não ser que algum deles goste de biologia marinha.


⋆ Par ⋆

➵ Quando estiver com Aaron, Andy se sentirá segura, é como se o garoto tivesse uma mágica capaz de fazer com que todas as suas preocupações e inseguranças irem embora. O que pode ser clichê, mas, quando ela está com Aaron, ele a faz esquecer de todo o resto. Drew será sua fiel escudeira, parceira de crime e apoiadora, ela nunca esquecerá de o elogiar, por ser gentil e acolhedor, por ser ele mesmo. É como se eles estivessem saltando de um filme antigo, onde a química que entre eles fosse forte. Não são o casal meloso, mas sim, atencioso. Combinam um com o outro e, cada um auxilia o outro a perder seus medos. Eles se amam, independentemente dos defeitos.


⋆ Grupinhos das populares ⋆

➵ Tenta se afastar do grupo dos populares, ela prefere as pessoas que sejam mais na dela e, já que a maioria dos populares tendem a serem cheios de frescuras e mimos, como também tendem a serem cheios de si, Drew simplesmente os ignora, sem dar atenção para egocêntricos e, concentrando-se mais nos seus amigos.


⋆ Outros alunos ⋆

➵ Não é de se envolver com pessoas estranhas, porém, ela não deixará de fazer colegas e dar um "bom-dia" acompanhado de um sorriso. Audrey é simpática com quem vem falar com ela, se a pessoa chegar perto para dizer ao menos um "oi", não levará uma mordida ou uma "patada", apenas receberá uma resposta educada, pode ser não a resposta mais animada, entretanto, pode ser o início de uma amizade.


『O que aprontou para ser mandada para o internato?』

➵ Após invadir o aquário da província e destruir o recinto das tartarugas, Audrey fugiu escondida. Com medo de sofrer as consequências, a menina fora atrás da princesa para que pudesse desabafar. Infelizmente, quando chegara em casa algumas horas depois, descobrira que a princesa não havia aguentado mentir e contara toda a verdade para os pais de Andy. Damian, um homem muito conservador, ficara furioso em saber da tamanha rebeldia da garota e, assim, tomou de imediato a decisão de a enviar para o internato.


『Como agirá lá ao chegar lá?』

➵ De início, irá estranhar tudo. Audrey sempre fora uma garota politicamente correta e nunca imaginara um dia estar em um internato. Ela tentaria ficar na dela, no seu canto, e sair despercebida. Encararia aquilo como apenas uma grande aventura e experiência e, diria para si que é apenas uma fase e que tudo passa.


『Como agirá quando conhecer o par?』

➵ Normal. Audrey será ela mesma, provavelmente ela estará no seu canto com o seu caderno, planejando possíveis aventuras, fazendo desenhos, tudo que faz diariamente. Eles provavelmente trocarão um "olá" ou um "bom-dia" e se afastarão. Porém, se fosse para criar uma situação, imagino que, eles estariam em uma festa, com tédio e, de alguma forma, começariam a conversar, descobrindo que tem mais em comum do que imaginavam.


『Qual estilo adotará?』

➵ O estilo de Audrey é, sem dúvidas, o mais normal. Ela não é patricinha, roqueira ou caipira. Podemos dizer que ela fica entre normal e hippie, porque gosta de ficar no canto dela aproveitando cada fato bom que a vida pode oferecer, curtindo as aventuras e sonhando viajar o mundo.


『Músicas temas da Personagem』

Beautiful Lies - Birdy.
Ride - Twenty One Pilots
You Don't Own Me - Grace.
Demon Days - Wild Wild Horses

『Músicas temas da relação com o par』

Macaé - Clarisse Falcão.
Into You - Ariana Grande.
Monomania - Clarisse Falcão.
Boys Like You - Who Is Fancy.

♛『Algum Pet?』♛

➵ Não possui animais de estimação por já conviver grande parte do seu tempo com eles. Não gosta de ver os animais em cativeiro, porém, sente desejo de ter um cachorrinho ou, quem sabe, um coelho.


『Favoritou a fic?』

➵ Yeap. Fanfic devidamente favoritada.

『Sabe que sua personagem me pertence e eu posso fazer o que quiser com ela, você concorda?』

➵ Sei, sim. Tome cuidado com a minha filha, sweet.

『Algo a Mais?』♛

➵ O motivo do seu apelido "Aquariana" é, tanto pelo signo, quanto pela sua apreciação aos animais aquáticos.



『Looks』

『Casuais』




『Dia-a-dia』




『Eventos sociais』




『Bailes e festas』




『Fantasia para Halloween/ Festa a fantasia』

{Borboleta}

{Ariel, sua princesa favorita}

{Arqueira}
『Encontros com os par』




『Praia』



『Estilo que ela usava quando estava no palácio』




『Uniforme』
➵ Utiliza a camisa social liza, com um laço que imita uma gravata no pescoço. A saia é azul balonè, diferente do tom original vermelho, com uma tiara (de variadas cores) na cabeça, gosta de colocar os cabelos em uma trança para acompanhar as tiaras. Nos pés, varia o salto alto e o tênis.





Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...