História Writer - Capítulo 30


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hailey Rhode Baldwin, Justin Bieber
Personagens Hailey Baldwin, Justin Bieber
Visualizações 88
Palavras 802
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei mozões!!!!!
Espero que a semana de vocês tenha sido boa <3
Achei esse capítulo tão fofis, espero que vocês gostem!!!
Nos vemos lá em baixo, tenho NOVIDADES!!


NOTAS FINAIS!!!!!!!!!!!!!!!!

Capítulo 30 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction Writer - Capítulo 30 - Capítulo 2

 

Meu coração estava batendo tão forte que eu o ouvia em minhas orelhas. Demorei no mínimo dois minutos para levantar do sofá e ir até Justin e Ellen que se cumprimentavam.

 

— Você está linda! — Justin sussurrou em meu ouvido quando me abraçou.

 

— Valeu! — agradeci me afastando daquele perfume enlouquecedor e indo ficar ao lado de Ellen.

— Como vocês estão pessoal? — perguntou para a plateia que o ovacionou.

— Essa música é muito especial para mim e foi feita para uma mulher que eu amo demais, é a primeira vez que eu toco e espero que vocês gostem — o aplaudiram ainda mais e eu sentia que meu coração poderia sair pela boca a qualquer momento.

Uma melodia gostosa e dançante invadiu o estúdio, me deixando ansiosa por ouvir sua linda voz e o que ele tinha a me dizer.

I was wondering your mama

Did she get that job she wanted?

Sold that car that gave her problems

I'm just curious 'bout her, honest — como ele sabia dessas coisas? Nori!!!

Queria saber da sua mãe

Ela conseguiu o emprego que queria?

Vendeu aquele carro que só dava problemas

Só estou curioso, sinceramente

Justin me olhava de forma penetrante, me deixando ainda mais nervosa e segurando as minhas mãos como se pudesse quebrar os meus dedos.

Girl, you wonderin' why I've been callin'?

Like I've got ulterior motives

No, we didn't end this so good

Would you know we'd have something so good? — fui pega completamente desprevenida.

Menina, quer saber por que ando ligando?

Como se eu tivesse motivos posteriores

Não, não terminamos numa boa

Você imaginaria que teríamos algo tão bom?

Eu não sabia como ele podia ter uma cara de pau tão grande a ponto de estar cantando uma música dessas para o mundo assistir depois de me trair de forma tão traiçoeira.

I'm wondering, can we still be friends?

Can we still be friends?

It doesn't have to end

And if it ends, can we be friends?


 

Can we be friends?

Can we be friends?

Can we be friends? — eu queria xingá-lo e mandar parar essa porra de música, mas não me exporia ainda mais.

Queria saber se ainda podemos ser amigos

Podemos continuar sendo amigos?

Não precisa acabar

E se acabar, podemos ser amigos?


 

Podemos ser amigos?

Podemos ser amigos?

Podemos ser amigos?

 

Wondering if you got a body

To hold you tight since I left

Wondering if you think about me

Actually, don't answer that — na verdade eu tive muitos corpos a quem abraçar, mas nenhum chegou aos seus pés, mas jamais admitiria isso.

Queria saber se você tem um corpo

Para abraçar forte desde que parti

Queria saber se você pensa em mim

Na verdade, não responda isso

 

 

Ele repetiu o refrão algumas vezes mais, e eu só o observava cantar.
Minha memória ainda conhecia todas as curvas do seu rosto perfeito. Todas as pintinhas. A boca perfeita. Meus ouvidos ainda conheciam aquela voz rouca como nenhuma outra. Meu olfato sentiu falta deste perfume todos os dias nesses dois anos. E o meu tato estava implorando para ter suas mãos sob ele por apenas mais alguns segundos.
Fui desperta pelos aplausos e explosão de gritos, me fazendo aplaudi-lo também.
É uma bela música, mas eu não a deixaria me abalar ou me atingir.

— E então Alexis o que achou da música? — Ellen perguntou me fazendo rir.

Como esses entrevistadores conseguem ser tão filhos da puta?

— Parabéns Justin, é muito bonita, a mulher para quem você deve ter escrito tem muita sorte por ter o seu amor — sorri para ele que me olhou confuso.

Eu sabia que a música era para mim, mas fingi que não para que ele ficasse confuso e as pessoas especulassem sobre para quem poderia ser a música, já que eu havia tirado o meu da reta.

— Então Justin Bieber está namorando ou tentando recuperar um amor? — Ellen entrou no jogo e eu o olhei lhe passando a bola.

— Depois de hoje provavelmente namorando, não é Alexis?! Vamos ser otimistas — o olhei chocada e a plateia surtou.

— Oh, então a música é para Alexis? — Ellen perguntou e eu respirei fundo.

— Para quem mais seria? Eu não amo nenhuma outra. — me mantive calada, mas querendo gritar um: “Cala a boca seu mentiroso”.

A plateia surtou gritando um: “Beija, Beija, Beija.” Infinito. Mas eu não queria beijá-lo e nem podia fazer isso comigo mesma, seria doloroso demais e assumir papel de otária.
Justin se aproximou segurando em minha cintura e eu o olhei nos olhos lhe proibindo de tão ato.
Mas o que ele fez me pegou completamente desprevenida. Ele simplesmente me abraçou, me abraçou forte, como se precisasse mais daquilo do que ar nos pulmões.

— Eu senti tanto a sua falta nestes dois anos! — sussurrou me arrepiando.

Isso não muda as coisas — o afastei de mim.

 

Continua... 


Notas Finais


FIZ CAGADA, COMPLETAMENTE EJACULAÇÃO PRECOCE E POSTEI O CAPÍTULO SEGUINTE AO INVÉS DO CERTO, ME DESCULPPPEEEEMMM!!!

O que acharam? Comentem, por favor.
Divulguem para as migas que gostam de uma boa fic.
Boa semana e até sábado que vem as 22hrs <3

Redes Sociais:
Instagram: fernandesmariana_
Grupo no wpp das minhas fanfics: 11#99522-9194#
Grupo Facebook: https://www.facebook.com/groups/424346807724932/


GENNNNTE, TEM FIC NOVA NA ÁREA E FIC CRIMINAL, ESTÁ TOPPER, VEM DAR UMA OLHADA

Deem uma passada nas minhas outras fanfics:

Guns of Love Sinopse:
Será que vou sobreviver a toda dor e escuridão?
Um passado marcado por dor.
Um presente doloroso.
Ele revive todas as brigas, dores e a escuridão como se fosse ontem.
Ela sente como se tudo ainda estivesse acontecendo.
Não é como se existisse uma maneira de esquecer.
É como se as lembranças fossem fantasmas que atormentam.
Mas o amor com todas as suas armas deixa tudo melhor.
Afinal...
O amor é o sentimento mais puro que existe.
Ou não?!

Link Guns of Love:
https://spiritfanfics.com/historia/guns-of-love-10349889

A Belieber Sinopse:
O momento mais confuso da vida de uma mulher é no começo de sua vida adulta, aos 18 anos. Ela não sabe qual faculdade quer fazer, quais sonhos seguir, quais riscos correr, é simplesmente um afogamento de planejamentos sem execução. Mas eu sempre fui diferente, minhas ideias sempre foram bem projetadas, eu nunca deixei um sonho meu correr para longe. Alguns chamam de determinação, eu chamo de foco. Porém, sempre existe algo que nos tira a concentração, para mim sempre foi a música. O dia passava e eu estava ali, com um novo CD o devorando. Eu sempre tive lojas de CD favoritas, quando morava em Paris e depois quando fui aos 15 anos para Los Angeles. Até que em 17 de novembro de 2009, eu o encontrei ali, exposto, com garotas enlouquecidas o querendo, mas eu só via uma coisa, como a mídia ia destruir o garoto mais dócil do mundo. 7 anos depois, e muitas mudanças mais, eu ainda continuou sua fiel escudeira, mas com uma diferença... Hoje, eu sou a vencedora do maior desejo de todas as adolescentes pelo mundo. Viajar com Justin Bieber por toda a sua turnê mundial.

Link A Belieber:
https://spiritfanfics.com/historia/a-belieber-9797305


Faith Sinopse (TERMINADA):
Tenho um corpo cheio de vodka e cocaína
Tenho o demônio em meus olhos e uma faca em mãos
Tenho cílios de gatinha e ao mesmo tempo a capa do Drácula
Tenho uma obsessão deliciosa pela morte, mas não gosto de aparentar ser tão má quanto sou
Sou o lobo na pele de cordeiro
Sou o apagão no fim do túnel e a sua perda de esperança
Sou tão sombria quanto corvos cruéis, mas tenho a pele brilhante como o Sol
Sou o seu desejo e medo mais profundo
Sou o lado negativo de toda a situação
Mas você vai me seguir aonde eu for, porque eu vou me tornar a sua necessidade, a sua respiração
Demônio e anjo em um corpo só
Concebida pelo bem e o mal na busca de trazer equilíbrio ao mundo
Perfeitamente imperfeita
O amor nunca fez sentido até o ter dentro de mim e sentir seus doces lábios em contato com o puro veneno dos meus
Ele é o único imune a mim
Faith ironia ou não
Será que a minha fé pode habitar as profundezas do inferno?

Link Faith: https://spiritfanfics.com/historia/faith-2943982


Patience Sinopse:

Justin Bieber é um homem casado agora, mas ninguém sabe disso.
Ele e sua esposa resolveram guardar esse segredo do mundo, afinal, porque dividir uma doce conquista que será brevemente arruinada e deturpada pela mídia?
Será que esse casamento vai resistir ao segredo e a distância de agendas cheias?
Paciência, uma sabedoria concedida pelos deuses.

Link Patience: https://spiritfanfics.com/historia/patience-4746065/capitulo7

Beijocas <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...